Mobile RSS

rss
Assine Já
Consulado 27/04/2012

Procura por visto americano cresce 41%

Estatística da Embaixada norte-americana no Brasil registra que 95 mil brasileiros solicitaram vistos para os Estados Unidos, em fevereiro deste ano. No consulado do Recife, a média é de 500 atendimentos por dia
notícia 0 comentários
Enviar por e-mail Imprimir Aumentar texto Diminuir texto Corrigir
Compartilhar

 

A demanda por vistos de viagem para os Estados Unidos cresceu 41% em fevereiro deste ano, em relação ao mesmo período de 2011, segundo dados divulgados pela Embaixada dos Estados Unidos, no Brasil, refletindo o crescimento do turismo de brasileiros no Exterior. Em fevereiro, 95 mil vistos foram processados nos quatro consulados norte-americanos localizados no Brasil: em Brasília, São Paulo, Rio de Janeiro e Recife.


- EUA aumentam preço do visto

 

No consulado do Recife, onde a maioria dos cearenses procura aprovar vistos, 8,6 mil foram processados em fevereiro, o que representa um aumento de 7% em relação a fevereiro de 2011.


De acordo com Shoghi Andrade, proprietário da ForVistos, empresa que presta assessoria em vistos consulares em Fortaleza, a procura pelos serviços da empresa dobrou do ano passado para cá. Ele diz que, do total de solicitações, 85% são para os Estados Unidos, 10% para o Canadá e o restante varia entre países da África e Ásia. “Temos tido muita procura de empresários que querem ir à China para conhecer o mercado de lá e estabelecer parcerias”, afirma.


Dentre os motivos para a solicitação de visto para os Estados Unidos, o principal é o turismo. O destino mais procurado é a cidade de Orlando, na Florida, onde ficam os parques temáticos.


Shogui afirma que a motivação para estudar fora, em intercâmbio, está em segundo lugar na demanda por vistos na empresa. Nessa modalidade, o destino mais procurado é o Canadá. “Devido aos custos mais baixos e a fama das escolas”, explica. Enquanto quatro semanas de curso de inglês, com acomodação em casa de família, café da manhã e jantar diários sai por volta de R$ 4,5 mil, no Canadá, um pacote semelhante, nos Estados Unidos, custa R$ 1.000 a mais.


Fazer um curso de inglês de 30 dias, no Canadá, por exemplo, foi a escolha da analista de telecomunicações Fabiana Bezerra, de 33 anos, que embarca amanhã para Toronto. Ela conta que precisou tirar o visto tanto para o Canadá como para os Estados Unidos, porque terá que fazer uma conexão em solo estadunidense. “Consegui aprovar meu visto para os Estados Unidos, há uma semana, em Recife. Levou cerca de duas horas e já tinha muita gente quando cheguei no consulado às 7 horas da manhã”, relata.


Ela diz que pagou a taxa antiga de US$ 140, mais os R$ 38 do agendamento da entrevista. Depois de 13 de abril, o consulado americano passou a cobrar uma taxa única de US$ 160, que já inclui o agendamento.


A publicitária Cíntia Medeiros conseguiu o visto recentemente. Ela quer viajar, em maio, para Nova York com o noivo, Rafael Pepino. Reuniu a documentação, pagou as taxas e se preparou para as perguntas com cuidado. Ela foi à entrevista com pais e o irmão. “Foi tranquilo. Passamos por detector de metais e não pode ficar conversando muito lá. Me fizeram poucas perguntas”, relata. Para Cíntia, as mudanças para obtenção do visto devem agilizar o processo. “Vai ficar mais rápido”, opina ela.

 

Por quê


ENTENDA A NOTÍCIA


O crescimento da economia brasileira, nos últimos anos, e a recente crise internacional, aliado ao câmbio mais baixo do dólar americano, são apontados como causas no aumento das viagens para os Estados Unidos.

 

SERVIÇO

 

Consulado dos Estados Unidos no Recife

Endereço: Rua Gonçalves Maia, 163, Boa Vista. Recife (PE).

Telefone: (81) 3416 3063

Novo site: http://bit.ly/JrCaoF

 

Números


500

solicitantes de vistos para os EUA, em média, são atendidos todo dia no consulado norte-americano em Recife (PE)

 

5

mil solicitantes são atendidos por dia, em média, nos quatro consulados norte-americanos localizados no Brasil

 

Bruno Stéfano bruno@opovo.com.br
Enviar por e-mail Imprimir Corrigir
Compartilhar
0
Comentários
300
As informações são de responsabilidade do autor no:
espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.

Mais comentadas

anterior

próxima