Mobile RSS

rss
Assine Já
Canindé 22/10/2013

Presos fazem rebelião na cadeia de Canindé

C4NOTÍCIAS.NET
Rebelião na Cadeia de Canindé durou cerca de três horas
Compartilhar

Presos da Cadeia Pública de Canindé, a 120,2 quilômetros de Fortaleza, fizeram uma rebelião no fim da manhã de ontem. Equipes do Batalhão de Choque e do Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate) entraram na cadeia e contiveram a rebelião, que teve início às 11 horas e durou cerca de três horas.

 

Segundo a Secretaria da Justiça e Cidadania do Ceará (Sejus), o motivo da rebelião foi uma tentativa de fuga em massa, que foi contida pela Polícia. No entanto, dois detentos ainda conseguiram escapar. Eles foram identificados como Francisco de Paula Freitas e Fernando Henrique Sousa, que estavam presos por furto e roubo, respectivamente. Os detentos que permaneceram na cadeia atearam fogo em colchões e quebraram celas.


Ainda de acordo com a Sejus, a ação dos presos começou quando eles renderam dois agentes penitenciários com arma artesanal na abertura da tranca para banho de sol. Informações preliminares davam conta de que agentes penitenciários teriam sido baleados e que um preso teria sido ferido por estilhaços, mas em contato com O POVO Online, a Sejus afirmou que ninguém se feriu.


Policiais fizeram um cordão de isolamento do lado de fora da cadeia, enquanto detentos continuavam queimando colchões e ainda tentavam fugir cavando buracos no interior da cadeia. O motim foi controlado quando homens do Gate e Batalhão de Choque entraram na cadeia. (com informações do O POVO Online)

Compartilhar
espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
300
As informações são de responsabilidade do autor:

Mais comentadas

anterior

próxima