Mobile RSS

rss
Assine Já
Top pop 16/08/2012

Muita qualidade, pouca audiência

Por melhor que seja uma série, ela precisa passar pelo crivo do público. Não importam prêmios e aclamação se ninguém vê. A Top Pop resgata alguns dos melhores seriados cancelados por falta de audiênciaMuita qualidade, pouca audiência
Compartilhar

Televisão vive de audiência e um punhado de fãs pouco pode fazer a respeito. Para mim, o melhor seriado norte-americano de comédia da atualidade se chama Community e vive sob risco constante de cancelamento – sua audiência nem chega a ser baixa, mas não é considerada pela NBC. Por conta dessa ameaça, os fãs da série chegaram até a fazer uma campanha “pedindo” seis temporadas e um filme (os próprios criadores de Community adotaram algumas frases). Bem ou mal, a série foi renovada para a quarta temporada, ainda que de forma reduzida. Mas no mundo de seriados que invadem a TV norte-americana semestralmente, existem algumas que passam batido pelo público. Algumas amadas pela crítica, outras ignoradas, mas todas com suas qualidades peculiares. O corte pode ser cruel e se dar antes do término da primeira temporada. O seriado também pode durar algumas poucas temporadas até ter um término insosso antes da hora. Há até casos de série terminar apenas on-line (mas The Cape não era bom). Enfim, e há muita injustiça. Além dos selecionados, o Diego Benevides lembrou de Pushing Daisies e Good Christian Belles e a Tamirys Ferreira indicou The secret adventures of Jules Verne.

Arrested Development (Fox) (1999)

Há esperança! Dava para fazer uma lista só com as canceladas da Fox (daí os dois primeiros lugares), mas Arrested Development é uma das comédias mais premiadas da televisão e foi alvo de sucessivas campanhas contra o cancelamento. A terceira temporada, de 2006, havia sido a última, mas na semana passada a quarta temporada começou a ser filmada – a estreia é só em 2013.

SÉRIES ÓTIMAS QUE NINGUÉM VIU


Firefly (Fox) (2003)

Queridinha cult hoje em dia e criada por Joss Whedon (diretor de Os Vingadores), Firefly chegou como promessa de sucesso. E fracassou – isso é inegável. A única temporada só teve exibidos 11 dos 14 episódios. 

 

Eli Stone (ABC)

Eli Stone, “o advogado que alucina”, chegou com a promessa de trazer um pouco de fantasia e comédia às séries de advogados. Conseguiu, mas a baixa audiência deixou o seriado sem conclusão após duas temporadas.

 

Dead like me (Showtime)

Às vezes é melhor deixar o final em aberto. A audiência de Dead like me nunca foi divulgada (supostamente era alta), mas o seriado só teve duas temporadas. O problema foi o fraquíssimo filme lançado direto para DVD.

 

Freaks and Geeks (NBC)

A comédia teen Freaks and Geeks reunia um elenco que hoje em dia faz muito sucesso, com James Franco, Seth Rogen e Jason Segel. Foram 18 episódios filmados, 12 exibidos e três retomados após o cancelamento.

 

No próximo capítulo

O tema da próxima semana é Melhores desenhos do século XXI. Sugestões, críticas ou elogios, é só mandar para andrebloc@opovo.com.br ou via twitter para @andrebloc.

Compartilhar
espaço do leitor
Diêgo Renan 16/08/2012 22:39
Acrescento ai Pam Am, que só teve 14 episódios, Skins US (Que mesmo inferior a UK, era boa tambem), assim como O.C. que quando finalmente conseguiu engrenar a 4ª temporada, acabou sendo cancelada.
Este comentário é inapropriado?Denuncie
1
Comentários
300
As informações são de responsabilidade do autor:

Mais comentadas

anterior

próxima