Ciclo Toyota 02/08/2016 - 18h39

Toyota lança novo modelo de financiamento

{'grupo': ' ', 'id_autor': 16338, 'email': 'leal@opovo.com.br', 'nome': 'Joc\xe9lio Leal'}
Jocélio Leal leal@opovo.com.br
Compartilhar

Para enfrentar os quebra-molas do mercado automotivo brasileiro, a Toyota decidiu ser agressiva para além de mudanças de produto e anunciou o que define como “uma nova modalidade de compra”. O Ciclo Toyota oferece condições especiais para quem vai comprar um Etios ou Corolla 2017. O foco é atrair novos clientes e fidelizar os atuais. Em linhas gerais, mínimo de 30% de entrada, financiamento do restante entre 12 e 36 meses com parcelas até 40% mais baixas que o mercado e aceitação do Toyota usado por 85% da Tabela Fipe.

Ao final do parcelamento, explica o vice-presidente da Toyota do Brasil, Miguel Fonseca, restará uma parcela residual que não poderá ultrapassar 50% do valor total do veículo. ”O cliente não terá de desembolsar nada para quitar este residual, pois a recompra pela concessionária quita a parcela residual e ainda contribui para a entrada em um novo veículo, o que marca o Ciclo Toyota”.

Mas para ser comprado pelos 85% da Tabela Fipe, a Toyota tem algumas condições. O carro a ser avaliado precisa ter passado em todas as revisões em concessionária da marca e ter rodado no máximo 15 mil km por ano, dentre outras. O processo de avaliação será padronizado em toda a rede no País.

O contrato com o ciclo Toyota é flexível. O cliente tanto pode manter a posse do veículo, pagando a última prestação, ou negociando o valor com um novo financiamento. Caso fique, optando pela recompra, pode fazer o upgrade de versão ou mesmo trocar de modelo – passando de um Etios para um Corolla, por exemplo.

Na prática, a japonesa mira na possibilidade de trocarem de carro a cada três anos, alimentando vendas e pós-vendas nas lojas – no Ceará, a Newland. As simulações de financiamento estão disponíveis no site www.toyota.com.br. Há 50 mil possibilidades de combinações, segundo Fonseca. Ele disse ainda que a expectativa é de que o índice de consumidores que usam um carro usado como entrada salte de 29% para 50%. A meta é aumentar as vendas em 15%

O jornalista viajou a Atiabia (SP) a convite da Toyota

Compartilhar
espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
500
As informações são de responsabilidade do autor:

TV O POVO

Confira a programação play

anterior

próxima

  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

São utilidades para enriquecer seu site ou blog por meio de códigos (Tags ou Scripts) que ajudam sua página a ser ainda mais informativa

Escolha o Widget do seu interesse

Newsletter

Receba as notícias do Canal Economia

Powered by Feedburner/Google