na espanha 28/08/2015 - 15h28

Público destrói carro do Google durante festa da Tomatina

Durante a "guerra" tradicional de tomates, as pessoas subiram no carro da empresa, ocasionando vários danos
divulgação
Para a edição especial deste ano foram colocados à disposição dos visitantes 165 mil quilos de tomates
Compartilhar

Um carro do Google foi destruído durante a comemoração de 70 anos da Tomatina, uma grande batalha de tomates realizada anualmente em Buñol (Valência), na Espanha, na última quarta-feira, 26.

Além de homenagear a grande festa com um logotipo interativo em sua homepage (doodle) na Espanha e em mais outros 20 domínios internacionais, a Google levou seu veículo para o local.

De acordo com o blog ofical da gigante da tecnologia, o objetivo era captar "imagens em 360 graus antes e depois da guerra de tomates, para capturar toda a magia e as cores que inundam as ruas”, por meio do aplicativo Street View e distribuí-las na internet.

Para a edição especial do evento deste ano foram colocados à disposição dos visitantes do mundo todo 165 mil quilos de tomates.


Durante a "guerra" tradicional, no entanto, as pessoas subiram no carro da empresa, ocasionando vários danos. O vidro traseiro do carro foi destruído e coberto, por instantes, por uma bandeira da Austrália.

Representantes da empresa enviados à Cidade também deram conta de danos no para-brisas, carroceria, espelhos retrovisores e câmeras do teto do veículo, mas consideraram os danos "secundários", afinal de contas ninguém saiu ferido.

Segundo o prefeito de Buñol, o objetivo era que o carro percorresse a rota da Tomatina duas vezes, uma antes e outra depois da "guerra" de tomates.

Ainda conforme fontes da Prefeitura, o carro ficou preso em meio ao confronto na segunda volta quando foi destruído por um grupo de pessoas.

“Lamentamos que isso possa arranhar nossa intenção de comemorar o aniversário de 70 anos da Tomatina. Não podemos perder o espírito de festa por causa de um grupo de pessoas”, afirmaram os funcionários da Google.

O prefeito, por sua vez, classificou o incidente como um ato de "vandalismo" e anunciou que o fato será investigado e os "culpados" serão procurados.  

>> Leia mais sobre carros e motos.
Redação O POVO Online

Compartilhar

Veja também

espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
500
As informações são de responsabilidade do autor:

TV O POVO

Confira a programação play

anterior

próxima

  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

São utilidades para enriquecer seu site ou blog por meio de códigos (Tags ou Scripts) que ajudam sua página a ser ainda mais informativa

Escolha o Widget do seu interesse

Newsletter

Receba as notícias do Canal Economia

Powered by Feedburner/Google