1º lugar 05/04/2016 - 09h47

Em 2015, 67,5% das viagens domésticas foram para o Nordeste

As operadoras de turismo obtiveram um faturamento de R$ 11,01 bilhões no ano passado
Compartilhar

A região nordeste foi destaque nacional no número de vendas de viagens em 2015, com mais de 67,5% das viagens domésticas. Em segundo lugar ficou o Sudeste com 14,3%, Sul com 13,4% e Norte e Centro-Oeste que, juntas, representam 4,8% do faturamento do setor.

No ano passado, as operadoras de turismo obtiveram um faturamento de R$ 11,01 bilhões. Os dados são da Associação Brasileira das Operadoras de Turismo (Braztoa), por meio das entidades associadas, que representam 90% dos pacotes turísticos comercializados no País.

Ao todo, 5 milhões de passageiros embarcaram durante todo o ano, proporcionando ao turismo doméstico um faturamento de R$ 6,43 bilhões, o que significa um crescimento de 6,41% em relação ao ano anterior. Enquanto isso, o emissivo internacional recebeu 39,82% da demanda e faturou R$ 4,23 bilhões em 2015, número 22% menor que em 2014. Este fator foi determinante para que, apesar do bom desempenho do nacional, o número total de embarques ficasse 15% menor que em 2014.
 
Os valores médios dos pacotes praticados em 2015 para os mercados doméstico e emissivo internacional foram, respectivamente, R$ 1.628,00 (aumento do ticket médio de 11,5%) e R$ 3.715,00 (29% de aumento no ticket médio). Esses dados mostram que houve maior procura por viagens elaboradas com maior valor agregado, principal papel das operadoras e agências de viagens.

Redação O POVO Online

Compartilhar
espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
500
As informações são de responsabilidade do autor:

Facebook

TV O POVO

Confira a programação play

anterior

próxima

  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

São utilidades para enriquecer seu site ou blog por meio de códigos (Tags ou Scripts) que ajudam sua página a ser ainda mais informativa

Escolha o Widget do seu interesse

Newsletter

Receba as notícias do Canal Economia

Powered by Feedburner/Google