RECEITA FEDERAL 01/03/2013 - 09h30

Declarar imposto de renda pode garantir renda extra para quem não é obrigado, diz especialista

DIVULGAÇÃO
Profissional que trabalhou por três meses em uma empresa com retenção na fonte pode ter um valor a restituir
Compartilhar

O período de entrega da Declaração de Ajuste Anual do Imposto de Renda Pessoa Física começa nesta sexta-feira, 1º, e há casos em que mesmo sem ser obrigado, declarar pode render um rendimento extra. Um exemplo é a pessoa que trabalhou por três meses em uma empresa com retenção na fonte. Apesar de não ter atingido o valor mínimo para declarar, terá um valor a restituir.

"Muitas vezes os contribuintes tiveram valores tributados, com isso se torna interessante a apresentação da declaração, pois pegarão esses valores de volta como restituição, reajustados pela Taxa de Juros Selic", explica Richard Domingos, diretor executivo da Confirp Consultoria Contábil.

BAIXE O PROGRAMA DO IRPF

O contribuinte que recebeu rendimentos tributáveis cuja soma ficou abaixo de R$ 24.556,65 deve levar em conta se teve Imposto de Renda Retido na Fonte por algum motivo. Um exemplo de como isto pode ocorrer é quando a pessoa recebe um valor mais alto em função de férias. Outro caso pode ser o recebimento de valores relativos à rescisão trabalhista, ele pode observar isto em seu informe de rendimento.

VEJA TAMBÉM
Começa prazo declarar Imposto de Renda
Faça o download do programa gerador do Imposto
Especialista tira dúvidas sobre declaração

"Caso o contribuinte não declare, estará perdendo um valor que é dele por direito e o governo não lhe repassará mais este dinheiro. O caso mais comum são pessoas que perderam emprego ou iniciaram em um novo no meio do período e que tiveram retenção na fonte ", explica Domingos.

Outra situação onde é interessante o contribuinte apresentar a contribuição, mesmo não sendo obrigado, é quando ele guarda dinheiro e com o tempo realiza uma compra relevante, como a de um imóvel. Isto faz com que ele tenha uma grande variação patrimonial, o que pode fazer com que o Governo coloque em suspeita o fato de não haver declaração e o insira no cadastro de malha fiscal.

Redação O POVO Online

Compartilhar
espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
300
As informações são de responsabilidade do autor:

O POVO Online

Participe desta conversa com @opovoonline

TV O POVO

Confira a programação play

anterior

próxima

Economia

  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

São utilidades para enriquecer seu site ou blog por meio de códigos (Tags ou Scripts) que ajudam sua página a ser ainda mais informativa

Escolha o Widget do seu interesse

Newsletter

Receba as notícias do Canal + Notícias

Powered by Feedburner/Google