mais exigente 05/03/2015 - 17h54

Latin NCAP aumenta frequência de crash tests

Como requisito mínimo para atingir 4 ou 5 estrelas, além de bom desempenho nos testes, os veículos deverão contar com Controle Eletrônico de Estabilidade
divulgação
Chevrolet Onix em crash test do Latin NCAP
Compartilhar

O Latin NCAP, entidade que avalia o nível de segurança de automóveis comercializados na América Latina e no Caribe, aumentou o padrão de exigência e ampliou a frequência de testes deste ano. A ideia é obter novos resultados de abril a dezembro.  

Para conseguir obter quatro ou cinco estrelas, a entidade afirmou que exigirá como requisito mínimo o Controle Eletrônico de Estabilidade (ESC).

Além disso, o veículo deve ser ter boa atuação em impactos frontais, laterais e de poste. Os carros que obtenham zero nos testes de impacto lateral e frontal, receberão zero estrela como pontuação geral.


Os testes de impacto lateral contarão com a instalação inédita de dois sistemas de retenção infantil (SRI), com dois dummies criança. O intuito é avaliar a segurança das crianças, em caso de impacto lateral.

Os crash tests frontais são realizados por meio de colisão realizada a 64 km/h contra uma barreira deformável, que atinge 40% da dianteira do veículo. Após o impacto, sensores medem os efeitos do choque provocados em dois manequins de tamanho adulto e com os dois de criança.  

Confira crash test do Peugeot 208:


>> Leia mais sobre carros e motos.

Redação O POVO Online

Compartilhar

Veja também

espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
300
As informações são de responsabilidade do autor:

Facebook

TV O POVO

Confira a programação play

anterior

próxima

  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

São utilidades para enriquecer seu site ou blog por meio de códigos (Tags ou Scripts) que ajudam sua página a ser ainda mais informativa

Escolha o Widget do seu interesse

Newsletter

Receba as notícias do Canal Economia

Powered by Feedburner/Google