09/08/2016 - 22h10

Painel do Banco Mundial considera segundo mandato para presidente

notícia 0 comentários

O painel executivo do Banco Mundial começou a considerar um segundo mandato para o controverso presidente Jim Yong Kim, em meio a uma onda de reclamações da equipe sobre a liderança da instituição.

O painel não deu inicio ao processo seletivo para o mais alto cargo do banco de forma oficial. Nem mesmo Kim, um americano escolhido pela Casa Branca em 2012, pediu oficialmente para manter o posto por mais um mandato de cinco anos.

Mas em uma reunião a portas fechadas para discutir o processo seletivo, alguns membros do conselho apoiaram abertamente um novo mandato para Kim após o vencimento de seu contrato, em junho, de acordo com fontes familiarizadas ao assunto.

O conselho teria resolvido se reunir após seu recesso de agosto para detalhar um cronograma e as regras do processo seletivo.

Kim recebeu apoio informal de vários grandes acionistas, como a China, os Estados Unidos e a Alemanha, de acordo com pessoas com conhecimento do assunto, aumentando a possibilidade de o americano ganhar um segundo mandato.

Embora Kim não tenha se disponibilizado oficialmente para um segundo mandato, ele indicou à equipe do banco, nos últimos meses, que estava interessado em permanecer no cargo para completar o que se tornou uma controversa reestruturação da instituição de fomento.

Kim já está enfrentando vários obstáculos. Grupos civis tem pedido pelo fim de acordos verbais entre os financiadores ocidentais do banco em que os EUA indicam o presidente do banco de desenvolvimento enquanto a Europa indica a liderança do Fundo Monetário Internacional (FMI).

Muitos funcionários do Banco Mundial, agitados com a reforma conduzida por Kim, esperam por um novo presidente.

"Nossa pesquisa anual de engajamento dos funcionários mostrou por duas vezes seguidas que o Banco Mundial está experimentando uma crise de liderança", disse a associação de funcionários da instituição, nesta segunda-feira. Em uma carta, o grupo pede por um novo processo seletivo "aberto e transparente". A associação representa cera de 9 mil pessoas. O Banco Mundial possui 15 mil funcionários. Fonte: Dow Jones Newswires.

ESTADÃO conteúdo

espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
500
As informações são de responsabilidade do autor:
  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

São utilidades para enriquecer seu site ou blog por meio de códigos (Tags ou Scripts) que ajudam sua página a ser ainda mais informativa

Escolha o Widget do seu interesse

Newsletter

Receba as notícias do Canal Economia

Powered by Feedburner/Google