07/08/2016 - 09h00

China: reservas internacionais caem US$ 4,1 bi em julho, para US$ 3,201 tri

notícia 0 comentários

As reservas internacionais da China voltaram a cair em julho, após uma recuperação vista em junho. O recuo foi de US$ 4,1 bilhões na comparação com o mês anterior, junho, para US$ 3,201 trilhões. Os dados foram publicados pelo Banco do Povo da China (PBoC, o BC chinês).

Em junho ante maio, as reservas haviam crescido US$ 13,43 bilhões, para US$ 3,205 trilhões.

Analistas consultados pelo The Wall Street Journal previam uma queda de US$ 5 bilhões em julho.

A queda nas reservas internacionais da China levantam preocupações se a segunda maior economia do mundo ainda enfrenta fuga de capital estrangeiro, ao mesmo tempo em que sua expansão econômica continua em desaceleração.

A China divulgou um crescimento econômico de 6,7% no segundo trimestre de 2016, em linha com as expectativas, mas ainda assim o crescimento trimestral mais lento desde o primeiro trimestre de 2009. Fonte: Dow Jones Newswires

ESTADÃO conteúdo

espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
500
As informações são de responsabilidade do autor:
  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

São utilidades para enriquecer seu site ou blog por meio de códigos (Tags ou Scripts) que ajudam sua página a ser ainda mais informativa

Escolha o Widget do seu interesse

Newsletter

Receba as notícias do Canal Economia

Powered by Feedburner/Google