Mobile RSS

rss
Assine Já
07/03/2013 - 05h25

Japão caminha na direção certa, diz Shirakawa

Compartilhar

O presidente do Banco do Japão (BoJ, na sigla em inglês), Masaaki Shirakawa, disse nesta quinta-feira que a economia do Japão está indo na direção certa para escapar da deflação, mas ainda existem incertezas, especialmente, sobre o curso das economias no exterior.

"O BoJ quer atingir uma meta de inflação de 2% o mais cedo possível", disse Shirakawa em uma coletiva de imprensa. Ele acrescentou que uma variedade maior de esforços de entidades diferentes é necessária para tirar o Japão da deflação.

Referindo-se a uma proposta feita pelo membro do Comitê de Política Monetária do BoJ Sayuri Shirai - que propôs a introdução de compras ilimitadas de ativos imediatamente - Shirakawa explicou que a proposta visava fortalecer ainda mais a política monetária do BoJ, assim como apoiar sinais incipientes de fortalecimento na economia. Mas Shirakawa se recusou a fazer mais comentários sobre a proposta de Shirai.

Ele também preferiu não comentar sobre as falas e ideias dos indicados pelo governo à liderança do BoJ. No entanto, Shirakawa disse que o Japão pode diminuir o tempo usado para superar a meta de 2% através da flexibilização da política monetária do BOJ e de medidas do governo para aumentar o potencial de crescimento.

No começo do dia, o Comitê de Política Monetária do BoJ decidiu manter o tamanho do programa de compra de ativos do banco central- a sua principal ferramenta de flexibilização da política monetária - em 101 trilhões de ienes e também votou, por unanimidade, por deixar inalterada a sua taxa de juros entre 0,0% e 0,1%.

Além disso, o BoJ elevou a sua avaliação mensal pelo terceiro mês consecutivo. Segundo o banco, "a economia do Japão parou de se enfraquecer". O banco central disse no mês passado que a economia do Japão parecia ter parado de se enfraquecer.

Agora, a atenção se volta para a próxima reunião do BoJ, em abril, quando o banco central deve tomar medidas de estímulo adicionais sob um novo presidente, Haruhiko Kuroda, se sua indicação for aprovada pelo Parlamento, como esperado. As informações são da Dow Jones e da Market News International.

undefined

Compartilhar
espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
300
As informações são de responsabilidade do autor:

Facebook

Agora no Twitter

Siga o economiaopovo no twitter

São utilidades para enriquecer seu site ou blog por meio de códigos (Tags ou Scripts) que ajudam sua página a ser ainda mais informativa

Escolha o Widget do seu interesse

Newsletter

Receba as notícias do Canal Economia

Powered by Feedburner/Google

Mais comentadas

anterior

próxima

Mobile RSS

rss