Conheças nossos combos e pacotes promocionais!

CLIQUE E CONFIRA
1,6% 16/08/2016 - 12h56

Revisão do PIB pode impedir aumento dos impostos para 2017

Na nova estimativa houve um acréscimo na projeção original passando de 1,2% para 1,6%
Compartilhar

O governo federal estima que para 2017 o crescimento econômico passe de 1,2% para 1,6%. O acréscimo pode impactar na medida de aumento dos impostos, já que melhora cerca de R$ 50 bilhões as contas do Orçamento do próximo ano. Além disso, outro fator contribui para este cenário, a redução de R$ 5 bilhões nas despesas feitas pelo Ministério do Planejamento.

Com as revisões aos dados do projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias, encaminhadas ao Congresso Nacional mês passado,  é possível que o governo não faça a proposta do aumento ou a criação de impostos para encerrar as contas do próximo ano com défict de R$ 139 bilhões, que corresponde 2% do PIB.

No entanto, segundo especialistas, não é muito provável que a arrecadação e contribuições permaneçam em retração em relação ao PIB. O que pode ser considerado provável de acontecer é que a confiança de empresários e consumidores seja estabelecida neste ano e que volte a crescer.

O projeto de lei orçamentária deverá ser enviada até o dia 31 ao Congresso Nacional.

 

Redação O POVO Online com informações do Valor Econômico

> TAGS: pib
Compartilhar
espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
500
As informações são de responsabilidade do autor:

O POVO Online

Participe desta conversa com @opovoonline

TV O POVO

Confira a programação play

anterior

próxima

Economia

Erro ao renderizar o portlet: Caixa Instagram (API-USER)

Erro: 'data'
  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

São utilidades para enriquecer seu site ou blog por meio de códigos (Tags ou Scripts) que ajudam sua página a ser ainda mais informativa

Escolha o Widget do seu interesse

Newsletter

Receba as notícias do Canal Economia

Powered by Feedburner/Google

O POVO Economia