Conheças nossos combos e pacotes promocionais!

CLIQUE E CONFIRA
BC Aponta 05/08/2016 - 10h27

PIB do Ceará recua 5,5% no primeiro trimestre de 2016

De acordo com o levantamento, os indicadores mostram continuidade do processo de contração da atividade econômica no Estado em ritmo moderado
Compartilhar

O PIB do Ceará recuou 5,5% no primeiro trimestre de 2016, em comparação ao quarto trimestre de 2015, segundo aponta as estatísticas dessazonalizadas do Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (Ipece), divulgadas nesta sexta-feira, 5, no boletim regional de julho do Banco Central (BC).

De acordo com o levantamento,  os indicadores mostram continuidade do processo de contração da atividade econômica no estado em ritmo moderado. Nesse sentido, o Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBCR-CE), recuou 0,7% no trimestre encerrado em maio, em relação ao terminado em fevereiro, quando havia retraído 1,7%, na mesma base de comparação. Considerando períodos de 12 meses, o indicador recuou 4,9% em maio (-4,1% em fevereiro).

As vendas do comércio ampliado diminuíram 2,9% no trimestre encerrado em maio, em relação ao terminado em fevereiro, quando houve redução de 1,1%. Houve retração em oito dos dez segmentos pesquisados (livros, jornais, revistas e papelaria, -33,6%; material de construção, -8,3%). Excluídas as contrações nas vendas de veículos, motocicletas, parte e peças (2,7%) e de material de construção, o comércio varejista retraiu 1,8% no período (-2,0% no trimestre terminado em fevereiro).

No Estado, o volume de serviços não financeiros diminuiu 0,9% no trimestre encerrado em maio, em relação ao finalizado em fevereiro, quando aumentara 0,3%, no mesmo tipo de comparação.. Em 12 meses, o indicador retraiu 2,9% em maio (transportes, serviços auxiliares aos transportes e correio, -9,5%; serviços prestados às famílias, -5,0%).

Operações de crédito

Já o saldo das operações de crédito apresentaram superiores a R$1 mil realizadas no Estado atingiu R$64,6 bilhões em maio, aumentando 0,1% no trimestre e 5,5% em doze meses. As operações realizadas com recursos livres totalizaram R$33,2 bilhões, variando -0,6% e 0,6%, respectivamente, e as contratadas com recursos direcionados atingiram R$31,4 bilhões, elevando-se 0,9% no trimestre e 11,2% em 12 meses.

Em maio, a inadimplência dessas operações de crédito ficou em 4,3%, aumentando 0,11 p.p. no trimestre e 1,24 p.p. em 12 meses. O desempenho no trimestre repercutiu aumentos de 0,09 p.p. no segmento de pessoas físicas e de 0,15 p.p. no de pessoas jurídicas, nos quais a inadimplência atingiu, na ordem, 4,7% e 3,7%.

Desemprego

A taxa de desemprego no Ceará atingiu, segundo a PNAD Contínua, do IBGE, 10,8% no primeiro trimestre de 2016, frente 8,0% em igual intervalo de 2015, repercutindo variações de -2,4% da população ocupada e de 0,6% da força de trabalho. O rendimento médio real habitualmente recebido pelos ocupados variou 1,1% e a massa salarial, -0,2%, no período.

 

Redação O POVO Online

> TAGS: pib bc
Compartilhar
espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
500
As informações são de responsabilidade do autor:

O POVO Online

Participe desta conversa com @opovoonline

TV O POVO

Confira a programação play

anterior

próxima

Economia

Erro ao renderizar o portlet: Caixa Instagram (API-USER)

Erro: 'data'
  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

São utilidades para enriquecer seu site ou blog por meio de códigos (Tags ou Scripts) que ajudam sua página a ser ainda mais informativa

Escolha o Widget do seu interesse

Newsletter

Receba as notícias do Canal Economia

Powered by Feedburner/Google

O POVO Economia