Conheças nossos combos e pacotes promocionais!

CLIQUE E CONFIRA
quadrimestre 03/05/2016 - 11h55

Lojas de material de construção têm queda de 11% nas vendas

Já abril em relação a abril do ano passado, a redução é de 2%
Antônio Cruz/Agência Brasil
Queda de 11% nas vendas de material de construção não impede empresários de planejar investimentos para os próximos 12 meses
Compartilhar

De janeiro a abril deste ano, as vendas no varejo de material de construção caíram 11% em comparação a igual período de 2015. Abril sobre março acusou recuo de 7%. Já abril em relação a abril do ano passado, a redução é de 2%.

O resultado é de pesquisa - feita entre 26 e 30 de abril último com 530 lojistas de todo o país - pelo Instituto de Pesquisas da Associação Nacional dos Comerciantes de Material de Construção (Anamaco).

No desempenho de abril sobre março último, a região Centro-Oeste foi a única a apresentar alta: 2%. No Nordeste, ocorreu retração de 5%, no Norte (-7%); no Sudeste (-9%) e no Sul (-10%).

Números negativos
Entre os itens com as maiores quedas estão as telhas de fibrocimento (-7%) ; louças sanitárias (-6%), tintas (-5%) e revestimentos cerâmicos (-5%). No período, permaneceram estáveis as vendas de fechaduras, ferragens e metais sanitários.

Por meio de nota, o presidente da Anamaco, Cláudio Conz, afirmou nesta terça-feira, 3, que, além de abril ser, tradicionalmente, ruim para as vendas neste setor, a estiagem atípica ajudou a atrapalhar os negócios. “As chuvas atrapalham quando estão acontecendo, obrigando o consumidor a adiar as obras, mas a falta delas também prejudica o nosso setor, pois acaba gerando menos manutenção ou estragos e menos demanda por obras”, afirmou.

Quanto à sondagem sobre as expectativas de vendas para maio, a Anamaco informou que 44% dos lojistas acreditam em estabilidade; 43% apostam em aumento e  13% temem novo recuo. A pesquisa indica, ainda, melhora no índice de confiança no governo federal, que passou de 21% para 34%, resultando na intenção de aumentar as contratações de trabalhadores. Cerca de 33% dos pesquisados disseram que vão planejar novos investimentos nos próximos 12 meses.

Agência Brasil

Compartilhar
espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
500
As informações são de responsabilidade do autor:

O POVO Online

Participe desta conversa com @opovoonline

TV O POVO

Confira a programação play

anterior

próxima

Economia

Erro ao renderizar o portlet: Caixa Instagram (API-USER)

Erro: 'data'
  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

São utilidades para enriquecer seu site ou blog por meio de códigos (Tags ou Scripts) que ajudam sua página a ser ainda mais informativa

Escolha o Widget do seu interesse

Newsletter

Receba as notícias do Canal Economia

Powered by Feedburner/Google

O POVO Economia