ECONOMIA 24/02/2014 - 18h38

Como cair na folia sem perder o controle das finanças

notícia 0 comentários
ETHI ARCANJO
Compartilhar

Organização financeira é fundamental para não perder as contas de vista durante o período de Carnaval. Afinal, nessa época, podem acontecer gastos imprevistos, para quem viaja, assim como para quem decidiu ficar em casa. É preciso atenção para não ficar endividado no meio da folia.

A Federação Brasileira de Bancos (Febraban) lembra aos foliões que antes de pensar na forma de pagamento da viagem no Carnaval, é preciso avaliar as condições reais de arcar com os custos da diversão, já que segundo diretor de educação financeira da Febraban, Fábio Moraes, na empolgação das festas, as pessoas saem e utilizam os créditos que estão disponíveis sem pensar no impacto que eles terão no orçamento.

Para aqueles consumidores que resolvem viajar de última hora é importante fazer as contas antes de cair no samba, colocando todas as despesas na ponta do lápis como alimentação, transporte (aéreo, terrestre, taxi, estacionamento, combustível), festas, fantasias, hospedagens, e ainda os pequenos gastos, como lembrancinhas para os parentes. O ideal é tentar estipular um valor máximo que pode gastar para não comprometer as outras contas do mês.

Se o consumidor resolver parcelar tudo no cartão de crédito ele deve prestar atenção na fatura, já que a fatura do cartão virá junto com as outras despesas fixas no mês seguinte (março). É preciso também considerar o valor das parcelas já existentes no cartão para não acumular muitas contas e onerar as despesas do mês.

Quem resolve usar o limite do cheque especial deve ficar mais atento, pois como se trata de um crédito emergencial haverá cobrança de juros acima do valor utilizado e, quando não há organização, fica-se mais suscetível ao endividamento.

Se o consumidor precisar de dinheiro por mais de um mês, o ideal é procurar outras modalidades de crédito, que pode ser consignado ou até mesmo um crédito direto ao consumidor (CDC).

Para ajudar no controle das finanças no dia a dia, a Febraban indica aos consumidores o software gratuito JIMBO, que está disponível no site MeuBolsoemDia.com.br, e pode ser baixado no computador e no celular.

A entidade ainda oferece outras dicas de finanças pessoais para o consumidor, no site www.meubolsoemdia.com.br.

10 dicas para as finanças:
1. Controle o orçamento;
2. Acompanhe diariamente ou semanalmente os gastos;
3. Ao contratar um crédito, procure o mais adequado para sua situação;
4. Não use o cheque especial e o cartão de crédito como extensão do salário;
5. Evite pagar o mínimo da fatura do cartão de crédito (rotativo);
6. Reduza os gastos supérfluos;
7. Tenha sempre um projeto de vida que acompanhe uma meta financeira;
8. Tenha uma poupança de emergência (de 3 a 12 salários);
9. Faça um planejamento financeiro pensando na aposentadoria;
10. Equilibre as despesas e esteja sempre com o saldo positivo.


Redação O POVO Online, com informações da Febraban

Compartilhar
espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
300
As informações são de responsabilidade do autor:

repórter entre linhas

Anterior 1 Próxima

  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

ACOMPANHE O POVO NAS REDES SOCIAIS

São utilidades para enriquecer seu site ou blog por meio de códigos (Tags ou Scripts) que ajudam sua página a ser ainda mais informativa

Escolha o Widget do seu interesse

Newsletter

Receba as notícias do Canal Divirta-se

Powered by Feedburner/Google