Caixa Cultural Fortaleza 16/06/2016 - 16h16

Gero Camilo discute machismo, sexualidade e a sobrevivência da arte em espetáculos

O ator cearense vai apresentar "Aldeotas", nos próximos dias 24 e 25, e "Caminham nus empoeirados", no dia 26. Ambos na Caixa Cultural
notícia 0 comentários
{'grupo': 'ESPECIAL PARA O POVO', 'id_autor': 19031, 'email': 'rubensrodrigues@opovo.com.br', 'nome': 'Rubens Rodrigues'}
Rubens Rodrigues rubensrodrigues@opovo.com.br
Divulgação
Victor Mendes e Gero Camilo atuam juntos em "Aldeotas" e "Caminham nus empoeirados", que chegam a Fortaleza no próximo dia 24

Quando dois amigos de infância se reencontram, fragmentos de memórias e experiências adormecidas são relembradas. É dessa proposta que parte "Aldeotas", com texto do ator, poeta, dramaturgo, cantor e compositor cearense Gero Camilo e direção de Cristiane Paoli Quito.
 
O espetáculo fará parte do projeto Em Cartaz: Gero Camilo, que começa no próximo dia 24, na Caixa Cultural Fortaleza. A curta temporada de três dias traz ainda a peça inédita "Caminham nus empoeirados", escrita por Camilo, que divide a direção com a portuguesa Luisa Pinto. O texto é inspirado no livro "A Macaúba da Terra", também de autoria do cearense.
 
A narrativa da plural "Aldeotas", que se passa na pequena cidade fictícia Coti das Fuças, foge do senso comum que o nome pode sugerir. "É uma peça muito universal. (Coti das Fuças) pode ser no Ceará, mas pode ser também em qualquer lugar", explica. "Porque fala de memórias, de experiências e variações culturais. Tem muito sentimento de amor, descoberta, liberdade", antecipa o ator.
 
Gero diz que o texto traz muito da sua própria memória afetiva, mas que trata de temas universais. "São experiências que o ser humano passa em qualquer lugar. É um pouco da minha biografia, da sua e de qualquer pessoa", aponta. "Tem muito dessa experiência de Interior, onde a violência não é muito presente e as pessoas conseguem viver as ruas".
 

"A peça trata das descobertas, do machismo, da homossexualidade. O público se identifica porque esses sentimentos ainda estão muito impregnados no Interior", continua. Em "Aldeotas", o artista debate temas muito presentes no ambiente familiar, como a autoridade dos pais em contraponto ao desejo de liberdade dos filhos e a relação da religião no contexto moral da sociedade. "Nada mais atual do que discutir essas questões. A arte expõe e, a partir daí, o público digere de acordo com a experiência de cada um".

Conexão Brasil-Portugal

Com tons de comédia e crítica social, a montagem "Caminham nus empoeirados" narra a história de dois atores que abandonam a companhia de teatro para seguir estrada juntos. O espetáculo nasceu do convite da diretora Luisa Pinto para montar um texto em Portugal. Entre agosto e outubro do ano passado, eles viajaram por Atenas, Bruxelas, Paris e Praga para pesquisar artistas populares, montaram e apresentaram curta temporada em Portugal. 
 
Assim como em "Aldeotas", Gero contracena com Victor Mendes. O ator, que trabalha na série "Psi", da HBO, escrita por Contardo Calligaris, assumiu o papel após a saída do ator português João Costa.
 
Até agosto, Camilo e Mendes devem estrear espetáculo inédito sobre os 100 anos do samba. E Gero Camilo adianta: a história se passa no dia do golpe de 1964, que instaurou uma ditadura militar no Brasil.
 
Programação
 
"Aldeotas" será apresentada nos dias 24 e 25 de junho, às 20 horas. Após a apresentação no segundo dia de espetáculo, os atores participaração de roda de conversa com o público. No domingo, dia 26, eles encenam "Caminham nus empoeirados", em duas sessões, às 17 e às 19 horas.

Serviço
 
Em cartaz: Gero Camilo
 
Aldeotas
Data: 24 e 25 de junho de 2016
Horário: 20h
Classificação indicativa: 14 anos
Duração: 105 minutos
Ingressos: R$ 10 (inteira)
 
Caminham nus empoeirados
Data: 26 de junho de 2016
Horário: 17h e 19h
Classificação indicativa: 12 anos
Duração: 75 minutos
Ingressos: R$ 10 (inteira)
 
Local: Caixa Cultural Fortaleza
Endereço: Av. Pessoa Anta, 287, Praia de Iracema 
 
Acesso para pessoas com deficiência e assentos especiais
Serviço de manobrista gratuito no local 
 
Os ingressos poderão ser adquiridos a partir do próximo dia 23, às 10 horas. Cada pessoa poderá comprar um par de ingressos dos dois espetáculos. 
 
Bilheteria CAIXA Cultural Fortaleza: (85) 3453-2770

espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
500
As informações são de responsabilidade do autor:

repórter entre linhas

Anterior 1 Próxima

TV O POVO

Confira a programação play

anterior

próxima

Divirta-se

  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

ACOMPANHE O POVO NAS REDES SOCIAIS

São utilidades para enriquecer seu site ou blog por meio de códigos (Tags ou Scripts) que ajudam sua página a ser ainda mais informativa

Escolha o Widget do seu interesse

Newsletter

Receba as notícias do Canal Divirta-se

Powered by Feedburner/Google