Documentário Fotográfico 07/03/2016 - 17h56

Livro "Caminho das Abelhas" retrata o processo de desertificação de município cearense

O lançamento acontece nesta quarta-feira, 9, no auditório do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura
notícia 0 comentários
Divulgação
A obra reúne o trabalho dos fotógrafos do projeto "Caminhos das Abelhas' que retratam por meio de uma documentação visual o sertão do município de Irauçuba

O livro que reúne fotos e textos do projeto "Caminho das Abelhas" será lançado nesta quarta-feira, 9, às 19 horas, no auditório do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura. A obra aborda o trabalho de seis fotógrafos ao registrar a realidade dos sertanejos frente ao processo de desertificação no sertão de Irauçuba, a 168Km de Fortaleza. O lançamento, que faz parte da programação do evento “Golpe de Vista”, terá a exibição de um vídeo sobre o projeto, debate com os fotógrafos e distribuição de 100 exemplares do livro.

A publicação complementa as ações da mostra “Caminho das Abelhas”, que fica em cartaz até 18 de março de 2016 no Espaço Cultural Correios Fortaleza, na rua Senador Alencar, 38, Centro. A exposição traz ao público, por meio de 50 imagens, a realidade dos sertanejos diante da seca do sertão cearense. As documentações visuais foram realizadas pelos fotógrafos: Iana Soares, Markos Montenegro, Paulo Gutemberg, Sérgio Carvalho, Silas de Paula e Vanessa Andion.

A mostra, sob curadoria do diretor de arte Ademar Assaoka, ofereceu atividades paralelas. Neste sábado, 5, houve uma oficina de fotografia com smartphones ministrada pela jornalista, fotógrafa e professora Iana Soares na Agência Central dos Correios Fortaleza. Além disso, agendamento para visitas guiadas ao público pelo o coordenador pedagógico Magno Carvalho e um dos fotógrafos participantes da exposição. 

Caminhos das Abelhas
O município de Irauçuba, que em tupi significa “Caminho das Abelhas”, ganha visibilidade e conhecimento público por meio das lentes dos fotógrafos que mostram a paisagem desértica e as riquezas socioculturais da região, sensibilizando a sociedade sobre a realidade local. “Há dois anos, participo com outros fotógrafos do projeto - “Caminho das Abelhas”– sobre a região e percebi que pouco mudou; a seca permanece e as condições da população, em quase nada, diferem das presenciadas há décadas”, conta o fotógrafo e professor Silas de Paula, ao lembrar dos registros feitos há 30 anos atrás.
 
Silas de Paula
O documentário fotográfico é visto pelo grupo como um instrumento de construção social
 
 
O grupo acredita que a fotografia como forma de análise e registro do processo é um instrumento de construção social, por esse motivo passou a entender e conhecer a desertificação e o cotidianos das pessoas que estão inseridas na região. “Há muito tempo já é pacífico que não existe um só sertão, mas inúmeros sertões, embora a maioria das narrativas assim o declare. São, pois, vários sertões, alguns vastos, vastíssimos, outros nem tanto e até próximos à costa litorânea civilizada, como o de Irauçuba, agora apresentado ao grande público”, declara o jornalista e fotógrafo Paulo Gutemberg.
 
Além disso, a exposição traz uma sensação nostálgica para aqueles que viverem algum momento da vida nessa realidade típica do Nordeste, como é o caso do fotógrafo Sérgio de Carvalho: ''A paisagem continua a mesma da minha memória de menino, não fossem as antenas parabólicas e as cisternas de hoje. Não me refiro ao chão rachado pela seca duradoura, e sim ao silêncio, à solidão e ao tempo contidos no campo de futebol vazio, na cruz solitária na beira da estrada ou na sinceridade do tempo que marca profundamente o rosto do sertanejo’’.
 
Vanessa Andion
A exposição traz as diferentes percepções acerca do sertão de cada fotógrafo
 
 
Serviços 
Exposição em Cartaz: 20 de janeiro até 18 de março 2016.
Horários das visitações: segunda a sexta-feira, das 8 às 17horas; aos sábados, das 8h ás 12h. 
Local: Espaço Cultural Correios Fortaleza 
Agendamento de visitas guiadas: pelo telefone (85) 3255 7142
 
Lançamento do livro ‘’Caminho das Abelhas’’: nesta quarta-feira, 9 de março
Horário: às 19 horas
Local: Auditório do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura.
Mais informações pelo telefone: (85) 3488 8600  
 
Redação O POVO Online 

espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
500
As informações são de responsabilidade do autor:

TV O POVO

Confira a programação play

anterior

próxima

Divirta-se

  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

ACOMPANHE O POVO NAS REDES SOCIAIS

São utilidades para enriquecer seu site ou blog por meio de códigos (Tags ou Scripts) que ajudam sua página a ser ainda mais informativa

Escolha o Widget do seu interesse

Newsletter

Receba as notícias do Canal Divirta-se

Powered by Feedburner/Google

Mais comentadas

anterior

próxima